★★★★★
Autores: Leonardo Otaciano e Matheuz Silva
Lançamento: 2015
Gênero: Horror, terror
Editora: Independente
Páginas: 15

SINOPSE: Coletânea que reúne 11 contos de horror escritos por Leonardo Otaciano e seu filho Matheuz Silva. Em destaque, em ''O Cemitério Perdido'', depois de uma festa sem graça, Kath, David, Taylor e Rich viajam de volta para casa por uma estrada escura e desconhecida na qual se perdem e encontram um homem que passa informações que os levam diretamente a um cemitério sombrio. Em ''O Blues Macabro'', outra história sinistra em que o seu psicológico é revirado, na Louisiana, na noite de 26 de maio de 1999, Jack viveu algo diferente quando saiu do Opala Souvenir mas a bebida não o deixou lembrar. Após um ano, os seus pesadelos e a existência de Laura, Isabela, o bebê e Divina, a mulher de vestido branco, o conturbavam. Quem seriam essas pessoas? Entenda o conto macabro sobre a vida de Jack. Já o conto principal, ''Loui, O Palhaço Medonho'', intitula a obra e arranca terríveis sensações de medo de Nícolas, Phil, Dan, Arnold e Nestor, garotos de Leopoldina, que conhecem a perversidade de um medonho palhaço.

Olá fofoqueiros!
Hoje vocês vão saber minha opinião do conto O Cemitério Perdido, que faz parte do livro Loui o Palhaço Medonho e Outros Contos, escrito pelo Leonardo Otaciano (Léo) e seu filho Matheuz Silva. O que será que eu achei do conto? Quer saber? Então vamos a resenha.


O conto escrito pelo Matheuz em sua maior parte, tem alguns toques do pai Léo. O conto vai contar sobre a noite de 4 jovens. Ao saírem de uma festa os jovens pegam o carro para irem para casa, mas devido a bebida (e a falta de sorte com certeza) Rick (o jovem que dirigia) se perde no caminho pra casa e não sabe em que rua se perdeu, ele para o carro em uma encruzilhada para tentar raciocinar, todos ficam preocupados com a possibilidade de não conseguirem encontrar logo o caminho de volta pra casa, mas eles vêem um rapaz bem vestido e Rick resolve pedir informação, o rapaz educado (chamado Mitt) dá a direção a eles, sendo assim eles seguem o caminho. Chega o fim da estrada e os jovens saem do carro, o que eles encontram? Sim, um cemitério, e agora, o que irá acontecer? Isso vocês só vão saber adquirindo o livro *risos maléficos* (como eu sou má).

O que eu achei.
O que tenho a dizer é que, por favor, alguém me dá Loui o Palhaço Medonho de presente de natal! Isso é muita maldade Léo, você me deixou muito curiosa pra ler os outros 10 contos.

Os autores desse conto pelo que percebi, se concentraram principalmente nas emoções dos personagens, vemos muito nítido os temores e modo de pensar de cada um. Não se concentrando muito nas características físicas dos personagens, algumas vezes a uma característica ou outra, mas sempre focando no pensamento e nas ações de cada um (isso na minha humilde opinião). Isso nos faz compreender melhor os jovens dessa história.

O conto é narrado em 3° e não poderia ter sido melhor desenvolvido, vemos tudo que eles vêem e percebem, eu amei isso, porque souberam narrar, sabe aquele leitura em 3° pessoa que de tão perfeita as vezes parece ser 1° pessoa? Pois é, o conto do Matheuz e do Léo é assim. Eles nos permite entrar na leitura e mergulhar nesse mundo de terror criado por eles.


"— Não se pode confiar em um homem, imagine  em três – ela estava puta, queria estar em casa, deitada  em sua cama, vomitando em seus lençóis, reclamando  da porcaria da enxaqueca."

Eu estou louca pra ter esse livro em minhas mãos, vocês repararam nessa capa? Que coisa linda, só pra deixar vocês tão loucos quanto eu, vou colocar aqui uma imagem que meu amigo Fernando tirou do exemplar dele.


Obrigado Léo Otaciano, por fazer parte dessa leitura maravilhosa e por ter me enviado essa fofoca por email e obrigado ao Matheuz Silva, você tem muito talento e vai longe assim como seu pai, vocês dois ainda vão crescer muito no mundo dos livros. Beijinhos pra vocês, espero fofocar mais sobre vocês em breve.

Eu coloquei esse conto entre os meus favoritos e esse livro entre os desejados.
Aqui abaixo está os links pra adquirir Loui o Palhaço Medonho e Outros Contos Sombrios:


Link para compra no Clube de Autores: 


Link para compra do livro em formato digital:


Bom fofoqueiros, foi isso, espero que tenham ficado tão curiosos quanto eu.
Beijinhos em todos os meus fofoqueiros de plantão!

4 Comentários

  1. Nossa, ficou excelente, adoramos ver que você compreendeu muito a história e que se envolveu diretamente nela, entendendo o cenário, os personagens e até as suas emoções. Isso foi muito satisfatória para nós. É muito importante quando o leitor sente o que lê, pois se ele não sente, infelizmente a história não ganhou vida. Parabéns minha querida, agradecemos pelo carinho constante. Muito talentosa. Nossos beijos a você. Obrigado!!! Estamos radiantes. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa amigo, fico imensamente feliz por ter gostado,obrigado pelo carinho de sempre. Quero saiba que amei o conto de todo o meu coração, principalmente a linguagem popular de fácil entendimento♡.
      Agradeço pelo presente a mim dado, porque essa leitura foi um presente lindo.
      Breve mais fofocas sobre você amigo. Beijinhos e Feliz Natal!

      Excluir
  2. Pegou a minha foto, kkk
    Esse conto está perfeito. Aliás, o livro inteiro é uma obra de arte!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Peguei a foto mesmo rs, sou fofoqueira, sempre pego as melhores fofocas. Louca pra ter esse livro.
      Beijinhos!

      Excluir

Olá, tudo bem? Espero que sim. Sua visita é uma alegria para mim, mas ficaria muito mais feliz com um comentário seu.
Beijinhos!