★★★★★♡
Autora: Ingrid M. S.
Lançamento: 2015
Editora: Percurso
Páginas: 60
Adicione no SKOOB

SINOPSE:
 Após a perda da mãe e a menção de um tal de aquilo ter a ver com a morte de seu pai e sua irmã mais nova há alguns anos, fazendo-a sentir-se culpada a ponto de adoecer, Leslie Price precisa lidar sozinha com os segredos sombrios de sua família, mais precisamente com um “dom” que é, na verdade, uma “maldição” e que pode matar muitos inocentes, devorando friamente seus corações. Aquele Natal seria o mais assustador de sua vida, porém, com o retorno de James Cavanaugh, seu ex namorado, por quem ainda tem sentimentos profundos, há uma chance de mudar a situação. Correndo contra o tempo, eles precisam encontrar um serial killer que está dizimando os cidadãos de Savannah.

Olá fofoqueiros!
Como começou o ano de vocês? O meu começou muito bem, com muita correria, mas muitas novidades também. Pra quem não viu na página, eu fiz um desafio literário e publiquei na fan page (quer ver? Clique AQUI!), esse conto que vou resenhar hoje faz parte do desafio, ok?
Mas vamos ao que interessa.


A história se passa em Savannah - Geórgia e vai contar um pouco da história de Leslie, uma mulher forte (apesar dos problemas), cuja maior habilidade é concertar coisas antigas (parabéns pra ela, eu não consigo concertar nem as novas que dirá as antigas), ela possui um antiquário que esta na família a gerações, mas o que Leslie não sabia era que havia um segredo muito sombrio (como o nome do conto sugere, oh novidade Kalita. Calma gente, calma que eu conto mais) de sua família.

O que eu achei?
Vou começar falando da lindeza que é esse conto, quando eu olhei a capa dele eu pensei "Nossa que capa de impacto!", mal eu sabia que por dentro ele era ainda mais lindo, pra provar o que digo vou deixar algumas fotos aqui.



Viram? Eu falei a verdade, aí esta a prova. Como não amar essa edição gente? Ta parei, vou continuar a resenha rs.

O conto é narrado em 3° pessoa (uma coisa que aprendi a amar ♡), mas nem por isso é impessoal. Uma narrativa que flui muito bem, mesmo que fosse um livro de 300 páginas, eu leria em algumas horas, porque a autora nos faz querer devorar as páginas, inclusive tenho um pedido a fazer a Ingrid, por favor, escreva um livro contando um pouco mais das aventuras da Leslie (#queremosmaisSegredosSombrios), nos dê esse presente, ta parei gente rs.

Outra coisa que amei, foi o fato da autora escrever algo totalmente novo, não tentem saber qual é o segredo (mania de leitor), pois não há como resolver esse mistério, tentei mas não deu rs.

Vocês acreditam que a autora conseguiu colocar romance nessa história de terror? Pois é, essa Ingrid é arretada mesmo. Um romance muito lindo, queria poder saber mais sobre esses dois, mas o conto já tinha acabado (quero mais Ingrid).

Eu li o livro a noite (algo que não indico aos medrosos como eu) e em alguns minutos fiquei muito triste, porque acabou e eu queria mais.


Obrigado Editora Percurso pela confiança e pelo carinho dados a essa fofoqueira. Obrigada Ingrid, por me proporcionar essa leitura maravilhosa e viciante, espero que seja a primeira de muitas resenhas que farei de suas obras.

Link para compra no site da Percurso:

Bom fofoqueiros, é isso, espero que tenham gostado.
Beijinhos em todos vocês!

4 Comentários

  1. Desde que li esse conto da Ingrid, me apaixonei pela escrita da autora... acho que todos querem mais desse conto.
    Parabéns pela resenha, Kalita. Como sempre, me divirto muito lendo suas opiniões!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Van! Que bom que se diverte, essa é a intenção rs.
      Todos queremos mais Segredos Sobrios! #queremosmaissegredossombrios
      Beijinhos!

      Excluir
  2. Olá Kalita
    Tudo bom?
    Assim como você tentei saber sobre esses segredos e não consegui e também quero saber mais dessa história.
    Ótima resenha amiga.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Obrigada Mila! O mistério é realmente indecifrável, uma história nada clichê.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir

Olá, tudo bem? Espero que sim. Sua visita é uma alegria para mim, mas ficaria muito mais feliz com um comentário seu.
Beijinhos!